Água Rasa

O bairro Água Rasa, localizado na zona leste de São Paulo, surgiu a partir de uma chácara de propriedade de João Mariano, posteriormente vendida ao padre Diogo Feijó, em 1829. O religioso era uma das figuras mais importantes do Império; consta que seu discurso proferido em 1821 foi um prenúncio da independência do país. Feijó batizou a área que adquiriu de Chácara Paraíso e passou a cultivar de tabaco a chá.

Entre os símbolos do Água Rasa estão a Paróquia Nossa Senhora de Lourdes e a Casa do Regente Feijó, tombada e atualmente localizada no bairro vizinho Anália Franco.

Aos seus moradores, a região oferece diversas lojas e restaurantes. Atendido por várias linhas de ônibus, o bairro ainda está próximo do Shopping Anália Franco.